Prefeitura realizará campanha para doação de sangue | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Prefeitura realizará campanha para doação de sangue

Prefeitura realizará campanha para doação de sangue

Com o objetivo de contribuir com a doação de sangue, a Prefeitura de Santo Antônio da Patrulha, através da Secretaria Municipal da Saúde irá levar interessados em doar a Porto Alegre no próximo dia 18 de maio. A doação será feita no Hemocentro da Santa Casa de Misericórdia.
O transporte deve ser agendado até a próxima segunda-feira (13), pelos telefones 3662-7555, ramal 8016. Como há um número limite diário para a doação, provavelmente um micro-ônibus será disponibilizado para esta campanha.
Conforme explica o secretário da Saúde, Joy Silva, “apesar das dificuldades, sabemos que se o Município disponibilizar o transporte, os doadores aproveitam a oportunidade, que é tão importante para salvar vidas. Nosso objetivo é oferecer este serviço pelo menos duas vezes ao ano”. Ele chama a atenção aos requisitos para quem quer doar sangue.
Existem normas nacionais e internacionais para a triagem de pessoas aptas a doar sangue, sendo que órgãos como o Ministério da Saúde e a Associação Americana de Bancos de Sangue são responsáveis por esse controle. O alto rigor no cumprimento dessas normas garante a saúde das pessoas que receberão o sangue, uma vez que ele não pode estar contaminado com outras doenças.
Os requisitos para doação de sangue são:
• Ter idade entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos devem possuir consentimento formal do responsável legal);
• Pesar no mínimo 50 kg;
• Estar alimentado. Evite alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação.
• Caso seja após o almoço, aguardar 2 horas;
• Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas;
• Apresentar documento de identificação com fotografia, emitido por órgão oficial. (Carteira de Identidade, Carteira Nacional de Habilitação, Carteira de Trabalho, Passaporte, Registro Nacional de Estrangeiro, Certificado de Reservista ou Carteira Profissional emitida por classe);
• Para os menores de 18 anos, é necessário o consentimento dos responsáveis e, entre 60 e 69 anos, a pessoa só poderá doar se já o tiver feito antes dos 60 anos;
• A frequência máxima é de quatro doações anuais para o homem e de três doações anuais para a mulher. O intervalo mínimo deve ser de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *