Paciente quer saber do hospital a respeito de cobrança pela aplicação de injeções | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Paciente quer saber do hospital a respeito de cobrança pela aplicação de injeções

Paciente quer saber do hospital a respeito de cobrança pela aplicação de injeções

Uma moradora de Santo Antônio da Patrulha procurou a Folha Patrulhense para afirmar que lhe foram receitadas por seu médico, a aplicação de algumas ampolas de determinada injeção, e que ela começou a prática no Posto de Saúde da sede e de Miraguaia. No sábado, como os postos, tanto da sede como do interior não têm expediente, foi até o Hospital Santa Casa/Santo Antônio para a aplicação da última injeção, sendo cobrada a quantia de R$ 45,00, sob a justificativa de que a cobrança da taxa era por ser de consulta particular.
Ela está inconformada com essa determinação e, mesmo tendo condições de pagar pela quantia exigida, lembra o fato de que pessoas com pouca disponibilidade financeira, então ficarão sem a medicação, já que as farmácias estão proibidas de efetuarem essas aplicações.
SECRETÁRIO
Procurado para falar a respeito, o secretário municipal da Saúde afirmou que realmente nos fins de semana, como não há expediente nos postos, a pessoa deve procurar o hospital e que, nesses casos, como foi uma consulta particular, o interessado terá que pagar a taxa estabelecida.
O HOSPITAL
Por sua vez, o administrador do Hospital Santa Casa/Santo Antônio garante que ninguém fica sem atendimento.
Maurício Fogaça afirma que quando há o caso de pacientes que fazem procedimentos particulares e precisam de aplicação de injeção ou de outro medicamento, sempre é indagado se o paciente quer o procedimento particular, SUS, ou convênio. Ele entende como importante que, se as pessoas puderem pagar, isso contribuirá para reduzir o déficit do SUS já que o Sistema Único de Saúde paga a irrisória importância de sessenta e três centavos pela aplicação de uma injeção. Mas frisa que ninguém deixa de ser atendido caso prefira o atendimento pela previdência.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *