Massulo e Marcelo pedem providências para o CAPS e CAEE | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Massulo e Marcelo pedem providências para o CAPS e CAEE

Massulo e Marcelo pedem providências para o CAPS e CAEE

Na tarde de terça-feira (23/04), os vereadores Marcelo Gaúcho e Rodrigo Massulo estiveram visitando o CAPS de Santo Antônio da Patrulha. A visita teve o intuito de verificar o funcionamento da instituição. Os vereadores puderam constatar a falta de oficinas e materiais, sem psiquiatra desde o final do ano passado, sem coordenador e diretor e pacientes preocupados com a falta de medicamentos de urgência e algumas outras carências.
Durante o encontro, foi possível constatar também que o funcionamento das atividades está seriamente comprometido. A instituição chegou a ter sete profissionais atuando diariamente, mas hoje dispõe somente de dois psicólogos, o que compromete o funcionamento e deixa a situação ainda mais crítica.
De acordo com os vereadores, a estrutura do CAPS está muito precária. Questionado sobre a falta de profissionais, o Diretor da Secretaria da Saúde, Oscar Soares, que esteva presente no dia da visita, reconheceu os problemas e disse que devem ser minimizados no menor tempo possível.
Outra situação preocupante verificada recentemente pelos vereadores Marcelo e Massulo é com relação ao CAEE. Foi com medo de retaliação que um pai, que não quis ter sua identidade revelada, conta que o mesmo problema está acontecendo com seus filhos. Com pareceres em mãos de médicos de Porto Alegre, pedidos e encaminhamento da própria escola, seus filhos estão sem tratamento médico adequado.
“Vamos ficar atentos a esses casos, cobrando soluções e nos colocando à disposição para votar chamamentos de profissionais caso os projetos sejam enviados ao Legislativo. Precisamos de uma solução ‘pra ontem’, pois duas instituições que prestam atendimentos de extrema importância nesta área (CAPS e CAEE) estão pedindo socorro!”, diz Rodrigo Massulo.
Diante de todos estes problemas dentro do município, o vereador Marcelo Gaúcho, em sua fala na tribuna na segunda-feira (22/04), na 12ª Sessão Ordinária da Câmara, apresentou alguns números para reflexão junto aos seus colegas: mais de 800 mil suicídios no mundo/ano, uma morte a cada 40 segundos. No Brasil, passa dos 11 mil/ano. Segundo as pesquisas, a grande maioria são idosos, por conta de doenças crônicas e incapacidades, e os jovens são mais vulneráveis.
“Este assunto tem que ser muito discutido ainda em Santo Antônio. Já perdemos alguns amigos próximos e ouvimos relatos de que uma boa quantidade de remédios vendidos em nossas farmácias são relacionados com a depressão. Sugiro que o Poder Público se empenhe em amenizar estes problemas que vem ocorrendo no CAPS e CAEE, com a contratação de bons profissionais”, conclui Gaúcho.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *