2º Festival do Acordeon de Santo Antônio da Patrulha acontece hoje | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

2º Festival do Acordeon de Santo Antônio da Patrulha acontece hoje

2º Festival do Acordeon de Santo Antônio da Patrulha acontece hoje

Festival do Acordeon 2 Acordeon 3

Depois do sucesso de 2018, Santo Antônio da Patrulha realiza a segunda edição do Festival do Acordeon, com grandes nomes da música gaúcha. Será na noite de hoje, às 20h30min. O ingresso são 2kg de alimentos não perecíveis.
O evento surgiu no ano passado, por meio de uma parceria entre a prefeitura e o músico patrulhense, Samuca do Acordeon, idealizador do festival, destacando-se no estado, por ser atualmente o único festival de acordeon do Rio Grande do Sul.
Samuca conta que a ideia surgiu do seu desejo de levar ao público, de forma gratuita este tipo de evento que, segundo o músico, “podem inspirar as pessoas seguirem o caminho da arte”, como aconteceu com ele, ou simplesmente apreciar a boa música.

SAMUCA HOJE
Hoje Samuca é um dos instrumentistas mais premiados da atualidade. Junto ao músico e produtor Pedrinho Figueiredo, ele produziu o espetáculo “Sobre Rodas de Choro e Chimarrão” circulando por cidades do Rio Grande do Sul e também no Uruguai. Além da parte musical, o projeto lançou um livro contendo a biografia e partituras dos principais compositores de choro do Rio Grande do Sul.
Participou da produção do musical Lupi, uma homenagem a Lupicínio Rodrigues. O evento que contou com o apoio da RBS-TV, teve grande destaque nos principais teatros do Estado.

BORGHETTI
Neste ano, além de Samuca, o festival contará com as participações de Renato Borghetti, um dos artistas brasileiros de mais sólida carreira internacional. Para completar, ele irá trazer para Santo Antônio da Patrulha a apresentação dos alunos e professores do projeto “Fábrica de Gaiteiros” que foi criado pelo próprio Borghetti para formar alunos de acordeão diatônico, instrumento conhecido popularmente na região sul do Brasil como gaita de oito baixos. A intenção é a fabricação não só para iniciação, mas que possa também se transformar em um instrumento definitivo, além de promover o acesso aos interessados de baixa renda, estimulando a inclusão de jovens talentos na perpetuação da autêntica cultura gaúcha, através da gaita de oito baixos.
O projeto atualmente acontece em vários municípios gaúchos e em Santa Catarina nas cidades de Lages e Blumenau, com a participação de mais de 500 crianças/adolescentes entre 7 e 15 anos.

OUTROS PARTICIPANTES
Ainda irão abrilhantar o Festival, Maryanne Francescon, octacampeã paranaense, pentacampeã brasileira de gaita ponto e campeã mundial de acordeon diatônico, sendo a primeira brasileira na modalidade; Luciano Maia, músico e produtor, com 20 anos de trajetória, colocando a música regional gaúcha em diálogo com outros ritmos brasileiros e universais e Willian Hengen, acordeonista de Os Serranos, grupo muito conhecido não só pelos gaúchos. Com quase 50 anos de história, Os Serranos faz shows e bailes por muitos lugares do Brasil, pelos países do Mercosul e com duas turnês de grande sucesso nos Estados Unidos.

Texto: Assessoria de Comunicação Prefeitura de Santo Antônio da Patrulha




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *