Nunca é tarde para começar: Idosos entram no mundo mágico da Literatura | 2M Notícias

Edições Online

Capa Gravataí Capa Cachoeirinha Capa Sto Antonio

Nunca é tarde para começar: Idosos entram no mundo mágico da Literatura

Nunca é tarde para começar:  Idosos entram no mundo mágico da Literatura

Alunos do curso de informática 60+ do Polo Universitário Santo Antônio que reúne pessoas da Terceira Idade tiveram momentos de emoção na Feira do Livro quando lançaram no domingo à tarde, sua primeira obra coletiva “Minha vida dá um livro”. O evento, que também contou com sessão de autógrafos, no Qorpo Santo, durante a 9ª Feira do Livro de Santo Antônio da Patrulha.
A obra, como os próprios autores mencionaram, traz um pouco da história de cada um. Fatos que marcaram suas vidas. Os depoimentos cheios de amor e orgulho demonstraram a alegria em participar da obra e a diferença que este projeto faz na vida das 80 pessoas que já participam do mesmo como dona Adelaide Benedito, de 85 anos, que começou o curso logo após a morte do marido, há três anos. Viúva encontrou no Polo Universitário uma oportunidade de distração e com a ajuda da filha, ela é aluna assídua e serve de inspiração para todos os colegas mais jovens.
Valdir Meregalli, de 71 anos, conta que após a aposentadoria sentiu que precisava de algo que o envolvesse, pois não queria apenas dormir e assistir televisão, segundo ele. “Descobri o Polo Universitário e pedi uma vaga. Não foi difícil entrar. Difícil é sair porque é muito bom”.
Conforme a coordenadora do Polo Universitário Santo Antônio, Dilce Eclai de Vargas Gil Vicente é uma satisfação ver o desenvolvimento desses alunos, que além de colegas se tornaram grande amigos. Ela conta que eles confraternizam com cafés da tarde, onde cada um leva um prato e, que inclusive já virou livro de receitas. As redes sociais e o uso das tecnologias no celular também compõem as aulas do curso.
O prefeito Daiçon Maciel da Silva cumprimentou a todos pelo lançamento do livro, mas principalmente por estarem participando de um curso no Polo Universitário, “por manter viva a vontade de aprender”, disse.
Na mesma tarde, também ocorreram os lançamentos dos livros, “Ciatesna Degran: deslocamentos de sentidos, sujeitos e práticas rurais em Viamão-RS” da professora e escritora, Angela Maria Plath da Costa, “Coisas inusitadas Acontecem Todo o Tempo” do professor e escritor, Antônio Valente, traz crônicas bem-humoradas.
“Projeto Bilíngue – Não há barreiras que a Libra não possa transpor” da autora Alini Mariot, falando sobre a caracterização do sujeito surdo e a surdez. Aborda políticas de inclusão e apresenta o projeto bilíngue;
“Semana Acadêmica 2018 – Construindo Caminhos para uma Educação inovadora” reunindo artigos apresentados na Semana Acadêmica 2018, “Diário de um Prefeito” do prefeito Daiçon Maciel da Silva, reúne todos os seus registros, desde lembranças da infância até suas poesias escritas aos 70 anos de idade.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *